SOUTH DIARIES #4

27 de agosto de 2015 Silves, Portugal


Quando se pensa em ir de férias com alguém - acreditem - a coisa não é tão linear assim. Uma coisa é  o tempo que passamos com os nossos amigos no dia-a-dia. Algumas horas, umas noitadas aqui e ali, umas festas, almoços, jantares, fins de semana na praia. Outra coisa é passar 24/7 com amigos e ter a certeza que ninguém se vai chatear. Porque é isso que vai acontecer ao fim de três dias a dormir e a acordar juntos. Há muitos amigos que são das pessoas mais importantes da minha vida e com os quais não quero passar férias. Isso não significa que não goste tanto deles - significa que sei que temos gostos muito diferentes e que o caldo vai entornar mais cedo ou mais tarde. 




Nós somos seres interessantes - temos feitios, temos dias não, temos manias, temos preconceitos, temos hábitos, temos rotinas... e juntar todas estas coisas de pessoas diferentes não é fácil. É por isso que só nos casamos com uma pessoa e só vivemos com uma pessoa. É aquela que, em última análise, tem paciência para nos aturar. No meu caso e da Miranda, foi uma aposta segura porque somos muito parecidas a nível de feitios e tínhamos planos de férias iguais. Se ela quisesse ir para o Algarve para ir para os copos à noite (coisa que eu não queria), a coisa tinha estalado. Quando pensarem em fazer férias com alguém, pensem nisto: no que querem fazer nesses dias, quais são os vossos planos e se a pessoa ou pessoas com quem vão procuram o mesmo que vocês. Só para ninguém se chatear quando um quiser acordar as 9h para ir para a praia e o outro quiser dormir até às três da tarde porque veio dos copos às seis da manhã. Ou quando um quiser ir passear pela cidade e ver todos os museus abertos e o outro quiser ir para uma esplanada beber copos.

Alguém já teve más experiências em férias?










6 comentários

  1. Pareces uma actriz cinema dos anos 50 - estás tão vintage. Gosto imenso dessas calças, são de onde? Parecem-me as mesmas do diário 2 - serão?

    ResponderEliminar
  2. Lembro me que quando decidi fazer o interrail com a ana minha melhor amiga e o meu primo sam estava um tanto nervosa, nunca tinha estado um mês inteiro no meio de amigos e sinceramente, sou daquelas pessoas que amam os amigos do coração mesmo, mas se sairmos 3 vezes juntos já fico aborrecida. Não e por mal, eu e que preciso de novos estímulos de novas pessoas o.tempo inteiro, enfim! Aquela canção do António variações descreve me super bem: estou bem, onde não estou porque só quero ir, onde não vou... E não e que o interrail correu super bem? Embora não tivemos.nada delineado, o facto e que resultou, já sabíamos que se fôssemos pra uma noitada, a manhã seguinte seria perdida por isso fazíamos isso umas 2x por semana. Estávamos mais preocupados em explorar.

    Viajei com a minha sogra 2 meses e não foi nada fácil! Somos tão mas tão diferentes, nem sei porque que o meu querido amorzinho pensou que agente iria dar se super bem em viagem? Mas aí está, no dia a dia adoro a sogrinha e damo nos lindamente :)

    ResponderEliminar
  3. Ohhh yes, já tive. E já houve amizades que azedaram um bocadinho à conta disso, mas a coisa resolve-se - e aprende-se! Sei tão bem do que falas...

    Estás tão vintage e catita!

    Jiji

    ResponderEliminar
  4. Por acaso já me chateei com algumas amigas em férias. Não é fácil conseguir satisfazer as necessidades de tanta mulher junta xD

    ResponderEliminar
  5. As fotos estão super bonitas e dás dicas super importantes! É mesmo preciso ter noção do que cada um quer fazer, senão é uma complicação dos diabos!

    Lena's Petals xx

    ResponderEliminar
  6. Qué bien escribes Helena, da gusto leerte! Esas observaciones sobre las vacaciones son bien acertadas, aunque a veces hay que adaptarse un poco, ceder un poquito, negociar, si no, la opción es irse de vacaciones sola, ¿lo has probado? Yo sí, y desde luego, también tiene su lado difícil aunque merece la pena enfrentarse a estar con uno mismo.
    Quiero agradecer no encontrar en tus posts lo mismo que en los posts de todas las otras bloggers: publicidad del Holmes Place, de la crema corporal que toque en cada momento etc.
    Me gustais las bloggers portuguesas pero la verdad es que casi todas hablan de lo mismo, treinos y cremas.
    Gracias por tu frescura.
    Un abrazo,
    Carmen Balsa

    ResponderEliminar

Latest Instagrams

© the styland. Design by Fearne.